Junho 27, 2019

ERASMUS+

O programa ERASMUS é um programa de mobilidade de estudantes na União Europeia desde 1987. O ERASMUS+ é o novo é um novo programa que combina vários esquemas como educação, treino, juventude e desporto, que começou em 2014.

O ERASMUS+ (2014-2020), é um novo programa de 14.7 biliões de euros que fornece bolsas de estudo para uma grande variedade de oportunidades para os estudantes aproveitarem no estrangeiro, mas também para os professores e outras personalidades educativas.

O que torna o programa especial?

Dimensão

Mais de 4000 instituições em 37 países estão envolvidas.

Participação

Já participaram mais de 3 milhões de estudantes oriundos destes países.

Crescimento

Está em constante crescimento todos os anos, o que permite alargar financiamentos e com que mais estudantes tenham esta oportunidade.

Sucesso

O programa ERASMUS representa 5% dos licenciados europeus por ano.

Oportunidades

As oportunidades no Programa ERASMUS+ são imensas, e vamos-te explica-las uma a uma.

As oportunidades disponíveis no programa ERASMUS são para um dos seguintes perfis:

Estudantes (mobilidade de estudos)
Trainees (estágios curriculares e/ou profissionais)
Jovens (voluntariado e/ou formações)
Jovens trabalhadores

Estudantes (mobilidade de estudos)

Os estudantes de Licenciatura e Mestrado têm várias oportunidades de realizar mobilidades de estudos, apenas. Para Licenciatura e Mestrado, existe o Programa ERASMUS+, mas para além deste, também existe para Mestrados o Erasmus Mundus Joint Master Degrees e o Erasmus+ Master Degree Loans.

No programa ERASMUS+, poderás efetuar uma mobilidade entre, no mínimo 3 meses, e no máximo 12 meses. Poderás também beneficiar de uma mobilidade várias vezes (tanto como estudante ou estagiário), logo que a sua totalidade não ultrapasse os 12 meses.

Para usufruires do Programa, existem as seguintes condições:

– Estar inscrito no ensino superior. Contudo, apenas podes começar a tua primeira mobilidade no teu segundo ano (candidatura poderá e deve ser efetuada no primeiro), isto caso seja o teu primeiro ciclo de estudos no ensino superior.
– O teu período de estudos deve ser relevante para a área do teu curso.
A tua instituição de ensino e a de acolhimento devem ter um acordo entre si.

Como estudante ERASMUS+, irás estar isento de várias despesas na instituição de acolhimento, tais como: inscrição, propinas, inscrição em exames, acesso à biblioteca e/ou laboratórios. Contudo, terás de pagar as propinas na instituição onde estás inscrito em Portugal.

Ao candidatares-te ao Programa ERASMUS+, estás apto a receber uma bolsa monetária que te irá ajudar a cobrir algumas despesas. O valor desta bolsa depende do país de acolhimento. Países com custo de vida mais baixo exigem menos dinheiro (República Checa, Hungria), países com custos mais altos, exigem mais dinheiro (Finlândia, Itália). ATENÇÃO: O valor desta bolsa não cobra a totalidade das despesas da mobilidade.

Mais informação em europa.eu – Mobilidade de estudos

Trainees (estágios curriculares e/ou profissionais)

A duração de um estágio internacional no Programa ERASMUS+ passa por um mínimo de 2 meses, até a um máximo de 12 meses. Tal como a mobilidade de estudos, o estudante pode efetuar vários estágios, logo que não ultrapasse o total máximo de 12 meses.

As condições são as seguintes:

  • Estar inscrito no ensino superior;
  • O estágio tem de ser relevante para a sua área de estudos;
  • Poderás efetuar o estágio em qualquer empresa dentro de um país da UE, exceto em instituições da UE ou agências da UE.

Tal como na mobilidade de estudos, ao candidatares-te a um estágio ERASMUS+, estás apto a ganhar uma bolsa monetária, exatamente com as mesmas regras.

Mais informações em europa.eu – Traineeships

Caso estejas interessado em alguma destas oportunidades, O Gabinete de Relações Internacionais do ISCAP pode ajudar-te com tudo o que precises. Poderás contactá-los através dos meios disponibilizados aqui. No mapa abaixo, podes consultar as nossas instituições parceiras para estudos.

Também poderás consultar mais informações no website do Gabinete de Relações Internacionais do ISCAP, sobre o Programa ERASMUS+.

Jovens (voluntariado e formações)

Para este perfil, existem duas atividades: Voluntariado e Youth Exchange.

O Voluntariado está aberto a todos os jovens da UE dos 17 aos 30 anos e permite-te viajar por um período mínimo de 2 semanas e um máximo de 12 meses para participares num projeto de voluntariado. Existem projetos por várias causas, como por exemplo: sustentabilidade, cultura e caridade social.

Nestes projetos, todos os custos essenciais estão cobertos. Irás receber alojamento e qualquer transporte local. Também poderás receber algum “pocket money”. Também tens direito a seguro durante o período de voluntariado.

Mais informações em: europa.eu – Volunteering Activities

As Youth Exchanges permitem a grupos de jovens de diferentes países viverem juntos durante 21 dias. Num projeto destes, existem várias atividades como workshops, exercícios, debates e atividades ao ar livre.

A UE garante suporte monetário para as viagens e tudo o que for relacionado com a mobilidade.

Mais informaçoes em: europe.eu – Youth Exchange

Jovens trabalhadores

O programa ERASMUS+ também defende o desenvolvimento profissional dos jovens trabalhadores através de formações e eventos de networking neste períodos.

Este períodos de mobilidade consistem em: formações, visitas de estudo, observação de outros profissionais em ação e visitas a outras organizações. Têm a duração mínima de 2 dias e máxima de 2 meses (isto excluí tempo de viagem). A UE suporta todos os custos relacionados, contudo, a organização para a qual o jovem trabalhador trabalha, tem de estar integrada no Youth Mobility Project.

Mais informações em: europa.eu – Networking and training